Por: Sportclick News em Últimas Notícias • 17/07/2022


 

Guarulhos (SP) – E deu Brasil na edição de estreia da Meia Maratona Internacional de Guarulhos. Na manhã deste domingo, o mineiro Giovani dos Santos, em uma disputa emocionante com o tanzaniano Saidi Makula, conquistou o topo do pódio da Elite Masculino. Ele completou os 21,097 metros por ruas e avenidas da segunda maior cidade de São Paulo com o tempo de 1h06min27 e apenas 1 segundo de vantagem para o adversário, que fechou a prova com 1h06min28. O terceiro lugar ficou com o baiano Geílson Conceição, no tempo de 1h07min29.

No feminino, a queniana Janet Masai, que este ano foi vice-campeã da Maratona de Porto Alegre, confirmou a boa fase e seu favoritismo na prova com maior tranquilidade. Ela imprimiu um ritmo forte e conquistou o título marcando 1h15min50, quase quatro minutos à frente da mineira Jéssica Soares, 1h19min45. O terceiro lugar foi da paulista Andreia Hessel, com 1h21min11.

A entrada de Guarulhos no circuito de grandes meias maratonas internacionais no país foi em grande estilo. Em um domingo de sol e temperatura agradável, cerca de 3 mil corredores, divididos pelas provas de 21K, 10K e 5K, deram um show de entusiasmo. E, para coroar a estreia, nada melhor do que ter um brasileiro como campeão. O trabalho de todos os envolvidos foi um sucesso e a disputa já está confirmada para julho de 2023.

duelo previsto entre Giovani e Saidi foi o destaque no masculino. Os dois corredores estiveram juntos praticamente todo o percurso e deixaram para o final a definição do primeiro lugar. E o experiente e vitorioso brasileiro, que soma nada menos que seis títulos da Volta Internacional da Pampulha, não deixou escapar mais um resultado positivo.

Estou muito feliz. Fiquei preocupado esta semana pois estava com uma tosse forte. Mas Deus é maravilhoso e deu tudo certo. O que me deixa ainda mais feliz é que fui o primeiro a vencer um evento de 10K aqui em Guarulhos e, agora, ganho a meia maratona de estreia aqui. Vai ficar na história e isso é para sempre”, afirmou.

Giovani ainda destacou que ganhar na cidade tem um sabor especial. “Bom comemorar com minha irmã que mora na cidade. Eu também queria que minha esposa estivesse aqui, pois ela faz aniversário hoje. Mas dedico esse título para ela”, completou o atleta.

Saidi, por sua vez, ressaltou a boa disputa com o amigo.”O percurso é realmente rápido e pudemos andar lado a lado, com um final muito legal. Parabenizo o Giovani pelo primeiro lugar e agradeço à organização pelo convite. Espero estar aqui no ano que vem para dar o troco", disse o corredor, terceiro colocado na Daegu Marathon, na Coréia do Sul, em 2016, e agora vice-campeão da 1ª Meia Maratona Internacional de Guarulhos.

Feminino

O duelo com as brasileiras acabou não acontecendo. Mas, mesmo assim, a queniana Janet Masai ressaltou o nível técnico das adversárias. “Foi uma boa prova. No começo meu ritmo não foi forte, mas depois arrisquei apertar o passo e acabou dando resultado. Gostei muito do percurso e fiz uma boa preparação para esta prova. O resultado foi fruto disso”, afirmou.

mineira Jéssica disse que o resultado foi positivo. A meta era o título, mas reconheceu o dia positivo da campeã. “Ela foi muito bem. Tentei andar junto dela no começo, mas como venho de várias competições – na semana passada correu em Boa Vista (RR) – preferi não arriscar e garantir que chegaria. Estou muito feliz com este segundo lugar e quero agradecer o convite para estar nesta prova”, ressaltou.

A 1ª Meia Maratona Internacional de Guarulhos 2022 é uma realização e organização da Yescom, com incentivo da Prefeitura de Guarulhos. O patrocínio de Assaí, NewOn, Montevérgine e Drogaria São Paulo, com patrocínio especial de 3 Corações. O apoio especial é de Smartfit, Dois Cunhados, Itambé, Parque Shopping Maia e Bendita Cânfora. A supervisão é da Federação Paulista de Atletismo.

 

Resultados 1ª Meia Maratona Internacional de Guarulhos

 

Meia Maratona – Elite

 

Masculino

1. Giovani dos Santos (Brasil), 1h06min27

2. Saidi Makula (Tanzânia), 1h06min28

3. Geílson Conceição (Brasil), 1h07min29

4. Savio Silva (Brasil), 1h09min17

5. Victor Andrade (Brasil), 1h10min36

 

Feminino

1. Janet Masai (Quênia), 1h15min50

2. Jéssica Soares (Brasil), 1h19min45

3. Andrea Hessel (Brasil), 1h21min11

4. Viviane Amorim (Brasil), 1h23min49

5. Adriana Aparecida da Silva (Brasil), 1h25min27

 

10K

 

Masculino

1. Cícero da Silva, 36min55

2. Alexandre da Silva, 37min50

3. Waldecir dos Santos, 37min56

 

Feminino

1. Angela Nobre, 45min43

2. Ana Mari Cruz, 46min00

3. Beatriz do Nascimento, 50min19

 

5K

Masculino

1. Ronnie Lopes, 19min29

2. Marcelo Torres, 20min34

3. Felipe Rodrigues, 21min14

 

Feminino

1. Laura Amato, 23min54

2. Cintia Trisotti, 26min04

3. Ildonete de Almeida, 27min00

 

Mais informações no site www.yescom.com.br

 

Consultoria de Comunicação da Yescom:

MBraga Comunicação – Marcelo Eduardo Braga – Mtb 18324

Fone: (11) 98266-6086 / E-mail: mbragacom@mbragacom.com.br


Posts relacionados

Últimas Notícias, por Sportclick News

Últimas Notícias, por Sportclick News

CBAt apoia decisão do COI de mudar Olimpíada para o período de 23 julho a 8 agosto de 2021

Após reunião por teleconferência, o Comitê Olímpico Internacional e autoridades do Japão anunciaram a nova data da competição. A World Atlhetics apoia o remanejamento para o mesmo período em que seriam os Jogos em 2020

Últimas Notícias, por Sportclick News

Africanos dominam a São Silvestre debaixo de forte chuva

-A chuva não deu trégua para os 25 mil atletas que disputaram a Corrida Internacional de São Silvestre neste sábado (31), em São Paulo. Mesmo com muita água, o etíope Tariku Bekele (43min35s) venceu com tranquilidade a prova e provou que tem DNA de campeão. A vantagem do irmão do recordista mundial Kenesisa Bekele para o segundo colocado, o queniano Mark Korir, foi de 23 segundos.

Últimas Notícias, por Sportclick News

Brasileira vence a 8ª Meia Maratona Internacional de São Paulo

pós seis anos o atletismo feminino está de volta ao topo do pódio da Meia Maratona Internacional de São Paulo. A paranaense Joziane Cardoso, da equipe Pé de Vento, de 28 anos, venceu a oitava edição da competição, realizada na manhã deste domingo (23),

Últimas Notícias, por Sportclick News

Bruno Helman: Expedição Islândia

A diabetes pode ser um problema, é verdade. Mas pode ser uma solução, pode ser o caminho para uma nova vida.

Últimas Notícias, por Sportclick News

SESI Gravatás entra forte na disputa da Corrida Noturna do Circuito Caixa, em Uberlândia

Adriana Cristina Silva da Luz, melhor brasileira na edição de 2012, é o destaque da equipe que terá 50 competidores, entre amadores e fundista da elite, na prova de 11 de maio