Por: Sportclick News em Últimas Notícias • 29/03/2012


 

Levantamento feito pela Federação Paulista de Atletismo mostra aumento de 63,42 % no número geral de praticantes. Em 2011, mais de 464.057 pessoas participaram de eventos oficiais

São Paulo (SP) - O fenômeno das Corridas de Rua no Brasil continua acelerado e apresenta expressivo aumento na participação das mulheres. Segundo levantamento do Departamento de Corridas de Rua da Federação Paulista de Atletismo (FPA), nos últimos cinco anos o número de mulheres participantes de eventos do gênero subiu 101,86%, de 69.070 em 2007 para 139.427 em 2011. Os números são divulgados anualmente. Em 2011, exatas 464.057 pessoas participaram de 298 provas no Estado de São Paulo.

"Os números mostram como o alcance das corridas é amplo. Trata-se de uma prática saudável e heterogênea. O povo brasileiro já associou o esporte à busca de uma vida mais saudável", diz o presidente da FPA, José Antonio Martins Fernandes, o Toninho. Mesmo com o boom feminino, os homens ainda são maioria. Com 324.630 praticantes, eles representam 69,9% do público total.

Nos cinco anos desde que a FPA sistematizou o levantamento, a participação masculina subiu de 214.890 para 324.630, o equivalente a 51,07%. No total, o número evoluiu de 283.960 para 464.057 (aumento de 63,42%). O percentual mais comemorado, porém, é o aumento no número de provas oficiais, ou seja, munidas da emissão do competente alvará por parte da Federação, que traz segurança e legitimidade aos eventos.Dentro de tal contexto, em 2001 apenas 11 corridas eram oficialmente reconhecidas pela FPA. O número saltou para 168 em 2005 e atingiu 298 provas no ano passado.

"Esse crescimento é resultado do esforço conjugado, entre FPA e organizadores, no sentido de se regulamentar as provas pelo Estado bandeirante. Mesmo assim, 125 eventos irregulares foram verificados em 2011. Estamos desenvolvendo esforços junto a órgão públicos para coibir corridas não reconhecidas, que podem se tornar em verdadeiras aventuras, onde o risco é a integridade física das pessoas", analisa Toninho.

Inverno é época preferida - O levantamento da FPA também mostrou que o período de inverno no Brasil é o preferido para a organização de provas. Em 2010, agosto foi o mês com mais corridas no Estado, (44). Em 2011, o ápice foi em julho (37 provas), seguido de setembro (35). Ao contrário do que se observou nos últimos cinco anos, o mês de dezembro teve uma queda considerável no número de provas: em 2010 foram 30 e, em 2011, apenas 22.


Posts relacionados

Últimas Notícias, por Sportclick News

168 horas consecutivas de corrida e caminhada

Procorrer realiza 168 horas consecutivas de corrida e caminhada

Últimas Notícias, por Sportclick News

Run The Night 10K agita ruas da USP

Corredores aproveitaram a noite deste sábado (30) para se divertir na Cidade Universitária

Últimas Notícias, por Sportclick News

Últimas Notícias, por Sportclick News

WRUN AGITA SÃO PAULO

Conceição Oliveira que bateu o percurso em um tempo de 29’13

Últimas Notícias, por Sportclick News

FRANK CALDEIRA MARATONA PAN 2007

MARATONA PAN-RIO 2007 ULTRAPASSAGEM E VITORIA DE FRANK CALDEIRA......

Últimas Notícias, por Sportclick News

Importância de conciliar a nutrição com atividade física

A prática de atividade física pode proporcionar benefícios à composição corporal, à saúde e à qualidade de vda. No entanto, nem sempre representa sinônimo de equilíbrio no organismo. As alterações fisiológicas e os desgastes nutricionais gerados pelo esforço físico podem conduzir o atleta ou praticante de atividade física ao limiar entre a saúde e a doença, se não houver a compensação adequada desses eventos